Doping esportivo e consumo de suplementos alimentares: uma relação delicada

Autores

DOI:

https://doi.org/10.17566/ciads.v10i1.703

Palavras-chave:

Esporte, Nutrição, Doping, Suplementos alimentares

Resumo

Objetivo: neste estudo, procura-se saber se os suplementos alimentares tão consumidos são aptos a causarem doping, já que os atletas buscam recursos ergogênicos visando à melhora da sua performance e, no campo nutricional, os suplementos aparecem como os mais consumidos. Metodologia: pesquisa bibliográfica descritiva, de abordagem exploratória; foram utilizadas informações oficiais de órgãos afetos ao controle de competições esportivas mundiais, bem como normas da Anvisa, agência reguladora brasileira. Resultados: verificou-se que a opção pelo alto consumo de suplementos alimentares se deve tanto à influência massiva da publicidade, que promete resultados miraculosos, quanto à facilidade de aquisição desses produtos. A eficácia de muitos deles carece de comprovação científica, enquanto outros podem causar efeitos colaterais graves pouco divulgados, além de conter substâncias de uso proibido e aptas a causar doping. No Brasil, a indústria de suplementos alimentares ganhou marco regulatório apenas em 2018, razão pela qual ainda não foi possível uma avaliação rigorosa dos seus efeitos. Conclusão: constatou-se que a multidisciplinariedade que envolve a relação entre dopagem e consumo de suplementos alimentares é a responsável pela dificuldade de controle do setor, reveladora ainda de quão movediça é a abordagem do problema no qual, frequentemente, se imiscuem novas áreas de conhecimento, exigindo profundo saber interdisciplinar. Daí a necessidade da interferência de profissionais habilitados para a prescrição de tais suplementos somente nos casos em que eles se mostrem necessários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Carlos Loureiro da Silva, Universidade Santa Cecília (Unisanta)

Pós-doutorando em Direito da Saúde, Universidade Santa Cecília (Unisanta), Santos, SP, Brasil; médico; promotor de Justiça aposentado, Ministério Público do Estado de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-6297-9862. E-mail: zeloureiro33@gmail.com

Ana Carla Vasco de Toledo, Faculdade de Bertioga (FABE)

Doutora em Direito Ambiental Internacional, Universidade Católica de Santos (Unisantos), Santos, SP, Brasil; professora, Faculdade de Bertioga (FABE), Bertioga, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-2076-4529. E-mail: anacarla@alopias.com.br

Marcelo Lamy, Universidade Santa Cecília (Unisanta)

Doutor em Direito Constitucional, Pontifícia Universidade Católica (PUC), São Paulo, SP, Brasil; professor permanente e vice-coordenador, Programa de Pós-Graduação em Direito da Saúde, Universidade Santa Cecília (Unisanta), Santos, São Paulo, Brasil. https://orcid.org/0000-0001-8519-2280. E-mail: marcelolamy@unisanta.br

Referências

Lima FV. Doping no Esporte. In: Garcia ES, Lemos KLM, organizadores. Temas atuais V: em educação física e esportes. Belo Horizonte: Health; 2000. p. 131.

Gomes Jr GS. Dopagem: atleta dopado. Revista de educação física. 1964;1(5):26-27.

Weineck J. Biologia do esporte. 6ª ed. Barueri: Manole; 1991.

Quintas GGS, coordenador. Valores humanos, corpo e prevenção: a procura de novos paradigmas para a educação física. Brasília: Ministério da Educação; 1989. p. 83.

Csáky TZ. Doping. The journal of sports medicine and phisical fitness. Europe: PCM; 1972. p 117-23.

Cardoso M. 100 anos de olimpíadas. De Atenas a Atlanta. São Paulo: Scritta; 1996

De Rose EH. O Uso de anabólicos esteroides e suas repercussões na saúde. In: Quintas, G. Valores humanos. Corpo e prevenção: a procura de novos paradigmas para a educação física. Brasília: Ministério da Educação; 1989. p. 83.

Weineck J. Biologia do esporte. 7ª ed. Barueri: Manole; 2005. p. 582.

Harkup K. The cocktail of poison and brandy that led to olympic gold. The Guardian [Internet]. 21 jul 2016 [acesso em 15.ago.2019]. Disponível em: https://www.theguardian.com/ science/blog/2016/jul/21/the-cocktail-of-poison-and-brandy-that-led-to-olympic-gold-strychnine

Tavares O, Romera L. Atividades físicas e esportivas e a dopagem. Movimento é vida: atividades físicas e esportivas para todas as pessoas [Internet]. Relatório Nacional de Desenvolvimento Humano do Brasil. 2017 [acesso em 17.ago.2019]. Disponível em: http://movimentoevida.org/wp-content/uploads/ 2017/09/Atividades-Fi%CC%81sicas-e-Esportivas-e-Dopagem.pdf

Almeida MB, Gutierrez DM, Gutierrez GL. O doping e os Jogos Olímpicos: diferentes dimensões do fenômeno. Revista USP. 2016, jan./mar;108:77-86.

Waddington I. A história recente sobre o uso de drogas nos esportes: a caminho de uma compreensão sociológica. In: Gebara A, Pilatti LA, coordenadores. Ensaios sobre história e sociologia nos esportes. Jundiaí: Fontoura; 2006. p. 13-44

Peters J. The man behind the juice. Slate [Internet]. 18 fev 2005 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://slate.com/culture/2005/02/the-doctor-who-brought-steroids-to-america.html

Waddington I. Strict liability in anti-doping. Wada [Internet]. [s.d.] [acesso em 26.jul.2020]. p.19. Disponível em: https://www.wada-ama.org/en/questions-answers/strict-liability-in-anti-doping#item-720

Betting D, Rigue A. Morte de ciclista em 1960 trouxe ao mundo o doping nos Jogos Olímpicos. UOL. 27 jun 2016 [acesso em 20.jul.2020]. Disponível em: https://esporte.band.uol.com.br/rio-2016/noticia/100000812139/morte-de-ciclista-em-1960-trouxe-ao-mundo-o-doping.html

Müller RK. History of doping and doping control. In: Thieme D, Hemmersbch P (coordenadores). Doping in sports. Berlin: Springer; 2010. p. 1-24.

De Rose EH, Aquino Neto FR, Levy R. Informações sobre o uso de medicamentos no esporte [Internet]. 9ª ed. Rio de Janeiro: COB; 2010 [acesso em 17.ago.2019]. Disponível em: http://www.apbmx.com.br/ _upload/repository/Livreto_doping_2010.pdf

Conselho Federal de Medicina. Medicamentos e suplementos nos exercícios e esportes: dopagem e antidopagem, orientações de uso, riscos à saúde, responsabilidade profissional [Internet]. Brasília: CFM, 2018 [acesso em 03.set.2019]. Disponível em: http://www.cbc.esp.br/img/governanca/medicina_esporte.pdf

Leite A. Três razões para não criminalizar o doping desportivo. Carta Forense [Internet]. 02 Dez 2011 [acesso em 22.ago.2019]. Disponível em: https://www.cartaforense.com.br/conteudo/colunas/tres-razoes-para-nao-criminalizar-o-doping-desportivo/7997

Petibois C. Des responsables du sport face au dopagem. Les cas du cyclisme, rugby, de la natation et du surf. Paris: L’Hamattan; 1988. p. 20.

Kullok ALB. Doping e manipulação genética: uma perspectiva jurídico-criminal [Internet]. Comitê Olímpico de Portugal. Grupo de Pesquisa e Desenvolvimento Esportivo. 11 nov 2015 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: http://formacao.comiteolimpicoportugal.pt/Publicacoes/COP_PFO_EDGD/file013.pdf

World Anti-doping Agency. Code [Internet]. Wada; 2015 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://www.wada-ama.org/sites/default/files/resources/files/wada-2015-world-anti-doping-code.pdf

The International Federation of Sports Medicine. Statement on doping in sport [Internet]. [s. d] [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://www.fims.org/files/4414/2056/2561/PS13-Statement-on-Doping-in-Sport.pdf

Grandjean AC. Diets of elite athletes: has the discipline of sports nutrition made an impact? The journal of nutrition [Internet]. May 1997 [acesso em 26.jul.2020];127(5):874S–877S. Disponível em: https://academic.oup.com/jn/article/127/5/874S/4724166

Harris HA. Nutrition and physical performance. The diet of Greek athletes [Internet]. 12 mar. 1966 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://www.cambridge.org/core/services/aop-cambridge-core/content/view/S0029665166000235

Costill DL. Carbohydrates for exercise: dietary demands for optimal performance. Int J Sports Med. Feb 1988;9(1):1-18.

Castanho GKF. Fatores motivacionais para o consumo de suplementos nutricionais por praticantes de exercícios físicos. [Tese de doutorado]. Campinas: UNICAMP; 2017 [acesso em 26.jul.2020]. 89 fls. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/bitstream/REPOSIP/330689/1/Castanho_GabrielaKaiserFullin_D.pdf

Applegate EA, Grivetti LE. Search for the competitive edge: a history of dietary fads and supplements. The Journal of Nutrition. 1997;127(5):869S-873S.

Pires T. O quanto você realmente sabe sobre suplementos alimentares? [Internet]. Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição. 2013 [acesso em 29.ago.2019]. Disponível em: http://www.sban.org.br/por_dentro/informativos/142/o-quanto-voce-realmente-sabe-sobre-suplementos-alimentares-dos-aspectos-basicos-a-necessidade-de-regulamentacao

Anvisa. Perguntas & respostas. Suplementos alimentares [Internet]. 04 fev 2019 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/documents/33916/2810640/ Suplementos+Alimentares/a6fd2839-6d80-496a-becb-8b2122eff409

Maughan RJ, King D, Lea T. Dietary supplements. Journal of Sports Sciences [Internet]. 2004 Jan [acesso em 26.jul.2020];22(1):95-113. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/7849916_Dietary_supplements

Hespel P; Maughan, RJ; Greenhaff, PL. Dietary supplements for football. Journal of Sports Science [Internet]. 2006 jul [acesso em 26.jul.2020];24(7):749-761. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16766503

Maughan RJ, Burke LM. Nutrição Esportiva. Porto Alegre: Artmed; 2004. p.134-149.

Laurino CFS. Os suplementos alimentares e o doping no esporte [Internet]. Sociedade Brasileira de Artroscopia e Traumatologia do Esporte. [s.d] [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://sbrate.com.br/informacoes/os-suplementos-alimentares-e-o-doping-no-esporte/

Varella D. Entenda para que servem e os riscos dos principais suplementos usados em academias [Internet]. [s.d.] [acesso em 03.set.2019]. Disponível em: https://drauziovarella.uol.com.br/reportagens/ entenda-para-que-servem-e-os-riscos-dos-principais-suplementos-usados-em-academias/

Eler G. Quais as novas regras da Anvisa para suplementos alimentares. Nexo [Internet]. 30 jul 2018 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2018/07/30/Quais-as-novas-regras-da-Anvisa-para-suplementos-alimentares

Anvisa. Publicadas novas regras para suplementos alimentares [Internet]. 27 jul 2018 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/noticias/-/asset_publisher/ FXrpx9qY7FbU/ content/publicadas-novas-regras-para-suplementos-alimentares/219201?p_p_auth=mz8pyuL0&inheritRedirect=false

Brasil. Ministério da Saúde. RDC Nº 243, de 26 de julho de 2018. Dispõe sobre os requisitos sanitários dos suplementos alimentares. Brasília: Diário Oficial da União; 27 jul.2018. ed. 144; sec.1, p. 100.

Lima e Feilgelson Advogados. Informe: requisitos sanitários para suplementos alimentares (Resoluções da Diretoria Colegiada da Anvisa nº 239/2018, 240/2018, 241/2018, 242/2018, 243/2018 e Instrução Normativa nº 28/2018) [Internet]. [s.d.] [acesso em 5.set.2019]. Disponível em: https://limafeigelson.com.br/ weblf/wp-content/uploads/2018/08/Informe-ANVISA-Suplementos-Alimentares.pdf

Maia LE. Anvisa avançou em temas relevantes e se reestruturou. Consultor Jurídico [Internet]. 08 jan 2019 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://www.conjur.com.br/2019-jan-08/layla-maia-anvisa-avancou-temas-relevantes-reestruturou

Anvisa. Suplementos alimentares [Internet]. 13 ago 2019 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/suplementos-alimentares

Anvisa divulga novas normas para suplementos alimentares. Acritica [Internet]. 30 mai 2019 [acesso em 04.set.2019]. Disponível em: https://www.acritica.com/channels/ cotidiano/news/anvisa-divulga-novas-normas-para-suplementos-alimentares

Andrade LA, Braz VG, Nunes APO, Velutto JN, Mendes RR. Consumo de suplementos alimentares por clientes de uma clínica de nutrição esportiva de São Paulo. Rev. Bras. Ci. e Mov 2012 [acesso em 26.jul.2020];20(3):27-36. Disponível em: https://bdtd.ucb.br/index.php/RBCM/article/viewFile/3298/2266

Mantovani CC, Santos MF, Yonamine M. Suplementos nutricionais, hormônios e o controle da dopagem no esporte. Biotecnologia aplicada à Agro&Indústria [Internet]. 2017 [acesso em 29.ago.2019];p. 775-814. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/313492889_Suplementos_nutricionais_hormonios_e_o_controle_da_dopagem_no_esporte

Agência Mundial Antidopagem. Suplementos nutricionais e doping. Diário de Notícias [Internet]. 01 abr 2009 [acesso em 05.set.2019]. Disponível em: https://www.dn.pt/desporto/antidoping/faq/ nutricao/interior/suplementos-nutricionais-e-doping-1218510.html

Van Thuyne W, Van Eenoo P, Delbeke FT. Nutritional supplements: prevalence of use and contamination with doping agents. Nutrition Research Reviews [Internet]. 2006 [acesso em 26.jul.2020];19:147-58. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19079882

Farah R. A responsabilidade objetiva do atleta em caso de doping. Direitonet [Internet]. 2005 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://www.direitonet.com.br/artigos/exibir/2205/A-responsabilidade-objetiva-do-atleta-em-caso-de-doping

Basualdo CRC, Prado DHS, Kondo M. Não existe pílula mágica. Revista Viver [Internet]. São Paulo: Hospital Sírio-Libanês. 5ª ed. 2014 [acesso em 03.set.2019]. Disponível em: https://www.hospitalsiriolibanes.org.br/institucional/ publicacoes/Publicacoes/revista-viver-edicao-5.pdf

Marinho A. Médicos e nutricionistas ensinam a usar os suplementos sem riscos. O Globo [Internet]. 16 dez 2011 [acesso em 06.set.2019]. Disponível em: https://oglobo.globo.com/ sociedade/saude/medicos-nutricionistas-ensinam-usar-os-suplementos-sem-riscos-3466581

Varella D. O perigo dos suplementos alimentares. UOL [Internet]. [s.d.] [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://drauziovarella.uol.com.br/alimentacao/o-perigo-dos-suplementos-alimentares/

Entenda o que são os suplementos termogênicos e seus riscos à saúde. G1 [Internet]. 20 jan 2016 [acesso em 26.jul.2020]. Disponível em: https://g1.globo.com/bemestar/noticia/2016/01/entenda-o-que-sao-os-suplementos-termogenicos-e-seus-riscos-saude.html

Downloads

Publicado

18-03-2021

Como Citar

1.
Silva JCL da, Toledo ACV de, Lamy M. Doping esportivo e consumo de suplementos alimentares: uma relação delicada. Cad. Ibero Am. Direito Sanit. [Internet]. 18º de março de 2021 [citado 30º de novembro de 2022];10(1):56-75. Disponível em: https://www.cadernos.prodisa.fiocruz.br/index.php/cadernos/article/view/703

Edição

Seção

ARTIGOS