Tomada de decisão compartilhada no contexto do paciente adolescente em programa de reabilitação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.17566/ciads.v9i4.617

Palavras-chave:

Adolescente, Reabilitação, Tomada de decisão compartilhada

Resumo

Objetivo: analisar a aplicação da tomada de decisão compartilhada no contexto do paciente adolescente, com base no referencial dos Direitos Humanos dos Pacientes (DHP). Metodologia: baseia-se em pesquisa teórica, que se fundamenta no marco teórico dos DHP, desenvolvido por Albuquerque e Eler e nos estudos sobre a tomada de decisão compartilhada, de acordo com Sullivan. A aplicação do proposto neste artigo foi exemplificada pelo relato de experiência de enfermeiros em hospital de referência em reabilitação no Distrito Federal. Resultados: os Direitos Humanos dos Pacientes como referencial normativo e teórico, bem como a tomada de decisão compartilhada aplicada ao paciente adolescente, asseguram o direito à participação no programa de reabilitação, impactando positivamente nos resultados dos cuidados. Considerações finais: o reconhecimento do adolescente enquanto protagonista do seu cuidado em saúde, além de efetivar as determinações de direitos humanos, produz resultados positivos para o tratamento, contribuindo para a adesão, o bem-estar, do paciente, e reduz efeitos adversos e ansiedades.

Biografia do Autor

Isabel Cristina Correia, Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação

Mestranda, Cátedra Unesco de Bioética, Universidade de Brasília, Brasília, DF, Brasil; enfermeira, Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação, Brasília, DF, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-4454-4099. E-mail:
isabelcrisenfermeira@gmail.com

Kalline Carvalho Gonçalves Eler, Faculdade de Direito, Universidade Federal de Juiz de Fora

Doutora em Bioética, Universidade de Brasília, Brasília, DF, Brasil; professora, Faculdade de Direito, Universidade Federal de Juiz de Fora, Governador Valadares, Minas Gerais, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-5016-579X. E-mail: kallinecarvalho@hotmail.com

Aline Albuquerque, Universidade de Brasília

Pós-doutora em Direitos Humanos, Universidade de Essex, Colchester, Reino Unido; professora, Programa de Pósgraduação em Bioética, Universidade de Brasília, Brasília, DF, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-5568-0790. E-mail: alineaoliveira@hotmail.com

Cíntia Maria Tanure Bacelar Antunes, Secretaria de Saúde do Distrito Federal

Mestre em Enfermagem, Universidade de Brasília, Brasília, DF, Brasil; enfermeira, Secretaria de Saúde do DF, Brasília, Distrito Federal, Brasil. https://orcid.org/0000-0001-6699-7681. E-mail: cintiatanure@gmail.com

Referências

Sullivan, Mark D. The Patient as Agent of Health and Health Care [Internet]. Oxford University Press; 2018 [acesso em 1.dez.2019]. doi: https://doi.org/10.1093/med /9780195386585.001.0001

Albuquerque A. Direitos Humanos dos Pacientes. Curitiba: Juruá; 2016. ISBN: 9788536255194

Hickey K. Minors’ Rights in Medical Decision Making. Jonas Health Law Ethics Regul [Internet]. 2007 [acesso em 1.dez.2019]; 9(3):100–4. doi: https://doi.org/10.1097/01.NHL.0000287968.36429.a9

Coyne I, Amory A, Kiernan G, Gibson F. Children’s participation in shared decision-making: Children, adolescents, parents and healthcare professionals’ perspectives and experiences. Eur J Oncol Nurs [Internet]. Elsevier Ltd, 2014 [acesso em 5.jan.2020];18(3):273–80. doi: https://doi.org/10.1016/j.ejon.2014.01.006

Coyne I. Children’s participation in consultations and decision-making at health service level: a review of the literature. Int J Nurs Stud [Internet]. Elsevier; 2008 Nov [acesso em 5.jan.2020];45(11):1682-1689. doi:https://doi.org/10.1016/j.ijnurstu.2008.05.002

Eler K, Albuquerque A. Direitos humanos da paciente criança. Cadernos Ibero-Americanos de Direito Sanitário [Internet]. 2019 jan./mar. [acesso em 1.dez.2019]; 8(1): 36-52. doi: https://doi.org/10.17566/ciads.v8i1.509

Adom D, Adu Agyem J, Emad H. Theoretical and conceptual framework: mandatory ingredients of a quality research. International Journal of Scientific Research [Internet]. Jan. 2018 [acesso em 20.dez.2019]; 7(1):158-172. Disponível em: https://www.worldwidejournals.com/international-journal-of-scientific-research-(IJSR)/article/theoretical-and-conceptual-framework-mandatory-ingredients-of-a-quality-research/MTM5NDE=/?is=1

Eisenstein E. Adolescência: definições e critérios. Adolesc Saude. 2005;2(2):6-7

OMS. Saúde do adolescente [Internet]. Genebra: Organização Mundial da Saúde; 2004 [acesso em 20.dez.2019]. Disponivel em: http://www.adolescencia.org.br/site-pt-br/adolescencia

Brasil. Estatuto da Criança e do Adolescente. Lei nº 8.069/90. Brasília, DF: Congresso Nacional; 1990.

Garanito MP, Zaher-Rutherford VL. Adolescent Patients and The Clinical Decision About Their Health. Rev. Paul. Pediatr. [Epub]. 2019 Jun [acesso em 30.dez.2019]; 37(4):503-509. Disponível em: http:www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-05822019000400503&Ing=en. doi: https://dx.doi.org/10.1590/1984-0462/;2019;37;4;00011

Lorda PS. Madurez, capacidade y autonomia. Eidon [Internet]. 2014; 41:3-11. doi: https://doi.org/10.13184/eidon.41.2014.3-11

Herring J. Medical law. New York: Oxford: University Press; 2011. 307 p.

Benston S. Not of Minor Consequence? Medical Decision-Making Autonomy and the Mature Minor Doctrine. Indiana Health Law Rev [Internet]. 2016 [acesso em 1.dez.2019]; 13(1): 1-14. doi: https://doi.org/10.18060/3911.0011

Coleman DL, Rosoff PM. The Legal Authority of Mature Minors to Consent to General Medical Treatment abstract. Pediatrics [Internet]. 2013 [acesso em 5.jan.2020]; 131:786–93. doi: https://doi.org/10.1542/peds.2012-2470

Driggs AE. The mature minor doctrine: do adolescents have the right to die? Health Matrix; 2001. p. 687–717.

Partridge B. Adolescent Pediatric Decision-Making: A Critical Reconsideration in the Light of the Data. HEC Forum [Internet]. 2014 [acesso em 20.jan.2020]; 26(4):299-308. doi: https://doi.org/10.1007/s10730-014-9250-8

Albuquerque A. Capacidade Jurídica e Direitos Humanos. Rio de Janeiro: Lumen Juris; 2018. 284 p. ISBN-13: 978-855191025

Eler K, Albuquerque A. Direito à participação da criança nos cuidados em saúde sob a perspectiva dos Direitos Humanos dos Pacientes. Revista Iberoamericana de Bioética [Internet]. 2019 [acesso em 20.jan.2020]; 9:01-15 doi: https://doi.org/10.14422/rib.i09.y2019.001

Cohen J, Ezer T. Human Rights in patient care: A theoretical and practical framework. Health Hum Rights. 2013;15(2):7-19.

Pluut B. Differences that matter: developing critical insights into discourses of patient-centeredness. Medicine, Health Care and Philosophy [Internet]. Jun. 2016 [acesso em 1.dez.2019];19(4):501-515. doi: https:// doi.org/10.1007/s11019-016-9712-7

Doherr H, Christalle E, Kriston L, Härter M, Scholl I. Use of the 9-item Shared Decision-Making Questionnaire (SDM-Q-9 and SDM-Q-Doc) in intervention studies-A systematic review. PLoS One [Internet]. 2017 Mar 30 [acesso em 5.jan.2020];12(3):e0173904. doi: https://doi.org/10.1371/journal.pone.0173904

Van Bueren G. The international law on the rights of the child. The Hague: Martinus Nijhoff; 1998. 435 p.

Hyun I. When adolescents "mismanage" their chronic medical conditions: An ethical exploration. Kennedy Institute of Ethics Journal [Internet]. 2000 [acesso em 5.jan.2020]; 10 (2):147-163. doi: https://doi.org/10.1353/ken.2000.0013

Lansdown G. The evolving capacities of the child [Internet]. Unicef; 2005 [acesso em 20.dez.2019]. Disponível em: https://www.unicef-irc.org/publications/pdf/evolving-eng.pdf

Eler K. Capacidade sanitária da criança sob a perspectiva dos Direitos Humanos Dos Pacientes [Tese]. Brasília: Universidade de Brasília; 2019. 200 fls.

Martini, De A. Reabilitação, ética e técnica. Ciência & Saúde Coletiva [Internet]. 2011 [acesso em 1.jan.2020]; 16(4), 2263-2269. doi: https://doi.org/10.1590/S1413-81232011000400025

Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação. Associação das Pioneiras Sociais. Nossos princípios [Internet]. Brasília, 2019 [acesso em 1.dez.2019]. Disponível em: http://sarah.br/

Bampi LNS, Guilhem D, Alves ED. Modelo social: uma nova abordagem do tema da deficiência. Rev. Latino-Am. Enfermagem [Internet]. Agosto de 2010 [acesso em 23.maio.2020]; 18 (4): 816-823. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692010000400022&lng=en. https://doi.org/10.1590/S0104-11692010000400022

Braga LW, Campos da Paz JRA. Método Sarah: reabilitação baseada na família e no contexto da criança com lesão cerebral. Ed. Santos; 2008. ISBN 9788572887151

Ayres JR de CM et al, editores. Caminhos da Integralidade na atenção primária à Saúde: recursos conceituais e instrumentos práticos para a educação permanente da equipe - Adolescência e Juventude [Internet]. São Paulo: Centro de Saúde Escola Samuel B. Pessoa/FMUSP; 2012 [acesso em 19.jan.2020]. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/icse/v16n40/aop2212.pdf

Downloads

Publicado

2020-12-16

Como Citar

1.
Correia IC, Eler KCG, Albuquerque A, Antunes CMTB. Tomada de decisão compartilhada no contexto do paciente adolescente em programa de reabilitação. Cad. Ibero Am. Direito Sanit. [Internet]. 16º de dezembro de 2020 [citado 5º de março de 2021];9(4):171-87. Disponível em: https://www.cadernos.prodisa.fiocruz.br/index.php/cadernos/article/view/617

Edição

Seção

ARTIGOS