Direito à saúde e participação “comunitária”: limites do modelo participativo do Sistema Único de Saúde na pós-modernidade jurídico-política

Autores

  • Letícia Canut Autor

DOI:

https://doi.org/10.17566/ciads.v2i2.70

Resumo

O trabalho examina a estrutura de participação “comunitária” do Sistema Único de Saúde (SUS) com o objetivo de assinalar que essa configuraçãonão corresponde às características da pós-modernidade jurídico-política inaugurada pela Constituição de 1988, segundo a qual o direito à saúde apresenta uma dimensão coletiva própria a ser exercida de acordo com a República Participativa.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

20-12-2013

Edição

Seção

Saúde, cidadania e democracia

Como Citar

1.
Direito à saúde e participação “comunitária”: limites do modelo participativo do Sistema Único de Saúde na pós-modernidade jurídico-política. Cad. Ibero Am. Direito Sanit. [Internet]. 20º de dezembro de 2013 [citado 20º de junho de 2024];2(2):97-113. Disponível em: https://www.cadernos.prodisa.fiocruz.br/index.php/cadernos/article/view/70