Redes e regiões de saúde em goiás: formação e efetividade

Autores

  • Cyntia Miguel Pires Universidade Federal de Uberlândia Autor
  • Julio Cesar de Lima Ramires Universidade Federal de Uberlândia Autor

Palavras-chave:

Redes e regiões de saúde em Goiás, Plano Diretor de Regionalização da Saúde, Cidades médias, SUS

Resumo

Este trabalho tem o objetivo de discutir as redes e as regiões de saúde em Goiás: formação e efetividade, com foco na análise das cidades médias goianas. A metodologia é de natureza mista: qualitativa e quantitativa, com viés bibliográfico e documental. As categorias de Geografia da Saúde, Urbana e Saúde Coletiva têm contribuído para a interpretação dos resultados e das discussões preliminares da pesquisa, os quais mostram que a universalização do SUS é problemática no estado de Goiás, com uma excessiva centralização da atenção de alta complexidade na cidade de Goiânia. As 18 cidades polos têm um papel modesto na formação e na efetivação das redes e das regiões de saúde no estado de Goiás.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Cyntia Miguel Pires, Universidade Federal de Uberlândia

    Doutoranda, Programa de Pós-graduação em Geografia, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, MG, Brasil. E-mail: cynthiamiguell@hotmail.com

  • Julio Cesar de Lima Ramires, Universidade Federal de Uberlândia

    Doutor em Geografia Humana; professor, Instituto de Geografia, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, MG, Brasil. E-mail: ramires_julio@yahoo.com.br

Downloads

Publicado

29-12-2017

Edição

Seção

ANAIS

Como Citar

1.
Redes e regiões de saúde em goiás: formação e efetividade. Cad. Ibero Am. Direito Sanit. [Internet]. 29º de dezembro de 2017 [citado 27º de maio de 2024];6:576-84. Disponível em: https://www.cadernos.prodisa.fiocruz.br/index.php/cadernos/article/view/1120